Alunos da FEI desenvolvem aplicativos para ajudar pessoas com depressão e com esclerose múltipla
Por: Grupo CDI - Comunicação e Marketing - 18/01/2018

Alunos do curso de Administração do Centro Universitário FEI desenvolveram projetos, que trazem soluções e novas ideias para a área da Saúde. Um grupo desenvolveu um aplicativo que auxilia a gerenciar o tempo para cuidar mais da saúde. Outros dois projetos foram desenvolvidos para ajudar pessoas com depressão e com esclerose múltipla a terem melhor qualidade de vida. Ainda para garantir mais saúde e bem-estar, uma dupla desenvolveu um app para prevenção do estresse e com suporte psicológico. Atualmente, os aplicativos estão em fase de testes e podem ser baixados através de QR Code. Confira mais informações sobre os projetos!

Mais saúde: Na correria do dia a dia, sobra pouco tempo para cuidar da saúde. Pensando nisso, alunos criaram o aplicativo Mais Saúde, que tem como objetivo ajudar a organizar melhor o tempo para se dedicar mais a saúde. O app conta com tutoriais, lembretes de atividades físicas, instrutores, receitas, ranking e acompanhamento do desenvolvimento. Além disso, o projeto buscará parcerias com negócios locais como academias e lojas que ofereçam benefícios para seus usuários.

How's My Mind é um aplicativo que tem como objetivo conscientizar as pessoas sobre estilo de vida e personalidade, abordando o tema depressão de forma prática e clara, evidenciando seus sintomas, suas causas e seus tipos para que os indivíduos possam identificar em si traços desta doença, e para que pessoas próximas possam identificar alterações comportamentais em outros indivíduos e, posteriormente, auxiliá-los. Para isso o app conta com Check in diário, Dr. Online (Perguntas e Respostas), análise da roda da vida, Dashbord e a escala de Hamilton para quantificar o grau de sintomas de depressão que esse indivíduo apresenta, entre outros. O aplicativo também foca no indivíduo em seu ambiente de trabalho, obtendo dados a respeito de clima organizacional a partir de suas percepções. Com essa análise é possível obter um overview sobre a satisfação dos funcionários e os impactos do trabalho sobre suas vidas. O projeto conta com o apoio do Centro de Valorização da Vida que se dispôs a auxiliar através do aplicativo as pessoas que precisarem de ajuda e manifestarem esse interesse através do chat ou telefone.

Relaxa: Visando ser considerado o melhor aplicativo para a prevenção do estresse conhecido e utilizado nacionalmente, o Relaxa traz informações escritas e audiovisuais concisas e bem explicativas sobre o estresse e o que está relacionado a ele. Além disso, incentiva a importância de frequentar um profissional que possa ajudar o usuário a lidar com o estresse, o que ele pode desencadear e facilita com que as pessoas encontrem o profissional que desejam mais próximo de si. Os clientes do Relaxa são os usuários -que poderão utilizar o aplicativo de forma gratuita ou premium- e os profissionais -que pagarão uma taxa mensal para ter o seu contato anunciado no aplicativo, além da facilidade de agendar consultas (para os clientes premium). E esse é um fator que diferencia o Relaxa dos demais aplicativos relacionados à mesma área, pois os demais apenas transmitem o conteúdo informativo e disponibilizam chat, já o Relaxa, além de tais funcionalidades, também propicia o agendamento de consultas e contato com profissionais online.

Helping MS: Um aplicativo com o objetivo principal de atender às necessidades dos portadores de esclerose múltipla. O app apresenta diversas funções que ajudarão o usuário a aprimorar sua qualidade de vida, bem como facilitar seu dia a dia. Entre as funções estão: eventos pertinentes sobre a doença e desenvolvidos pela ABEM, vídeos de especialistas com dicas e informações sobre a esclerose múltipla, calendário para que o paciente possa acompanhar suas consultas ao médico, mapeamento de clinicas e postos de saúde que prestem serviço especializado em EM, entre outros.

 Sobre o Centro Universitário FEI

Com 77 anos de tradição, o Centro Universitário FEI é referência entre as instituições universitárias no Brasil, nas áreas de Administração, Ciência da Computação e Engenharia. A Instituição, com campus em São Bernardo do Campo e na capital paulista, já formou mais de 50 mil profissionais, entre engenheiros, administradores de empresas e profissionais da área de Ciência da Computação, muitos ocupando posições de liderança nas principais empresas do País.

Mantida pela Fundação Educacional Inaciana Pe. Sabóia de Medeiros, o Centro Universitário FEI integra a Rede Jesuíta de Educação e agrega marcas históricas de instituições de ensino de São Paulo: Faculdade de Engenharia Industrial, Escola Superior de Administração de Negócios e Faculdade de Informática.

Os cursos oferecidos são Administração, Ciência da Computação e Engenharia – habilitações em Engenharia Civil; Engenharia de Automação e Controle; Engenharia de Materiais; Engenharia de Produção; Engenharia Elétrica, com ênfase em Eletrônica, em Computadores e em Telecomunicações; Engenharia Mecânica e Engenharia Mecânica com ênfase Automobilística; Engenharia Têxtil; e Engenharia Química. Oferece ainda cursos de pós-graduação latu sensu nas áreas de Tecnologia e de Administração, entre outros; mestrado em Administração, Engenharia Elétrica, Mecânica e Química; e doutorado em Administração e Engenharia Elétrica.

Publicidade:
Últimas Noticias
30/03/2018
23/02/2018
23/02/2018
23/02/2018