São Paulo recebeu ontem o mais novo Hospital da Rede D'Or São Luiz
Por: EuroCom Comunicação - 14/05/2019

Rede D’Or São Luiz inaugura hospital de excelência em São Paulo

Hospital Vila Nova Star traz tecnologias inéditas no País, além de gerar 1.200 empregos diretos

 
A cidade de São Paulo recebeu ontem um significativo presente: o Hospital Vila Nova Star, sétima unidade da rede na cidade de São Paulo. O prédio elegante e imponente conta com uma área construída de 17.401m2, e está localizado no bairro Itaim. Para a conclusão do projeto, foram investidos 350 milhões de reais com o objetivo de disponibilizar as melhores e mais modernas tecnologias nas áreas de cardiologia, cirurgia, neurologia e oncologia. O Vila Nova Star é o primeiro hospital premium do Grupo em São Paulo. O

"A nova unidade tem equipe de ponta e infraestrutura de última geração em prol de melhores resultados clínicos", afirma o Dr. Paulo Hoff, que coordenará a área de oncologia e é uma das maiores referências internacionais no assunto.Ele explicou que a idéia vem sendo desenvolvida desde setembro de 2017, e o grupo tinha planos na área oncológica de expandir o atendimento, atingindo várias camadas diferentes da sociedade e várias regiões geográficas do Brasil. "Hoje temos unidades em nove estados, e o grande foco da rede é a área hospitalar. E enquanto trabalhamos nesta  área oncológica, vínhamos também vivenciando a experiência que começou no Rio de Janeiro com o Copa Star, com o surgimento de um hospital pequeno, mas completo e que desse um atendimento diferenciado em todos os aspectos", explica o oncologista.

 
A partir do grande sucesso dessa fórmula, surgiu, entãp, a idéia de trazer esse conceito para São Paulo, que é hoje o Vila Nova Star..Então, o conceito é de um hospital pequeno, com número limitado de leitos, (100 leitos inicialmente, podendo chegar até 200, com uma torre nova a ser erguida no futuro). Neste hospital está oferecida toda a disponibilidade tecnológica, seja na área de radioterapia, de radiologia, medicina nuclear ou cirurgia.  A unidade foi desenhada de forma a oferecer aos médicos e aos pacientes toda a gama de tecnologia mais avançada disponível.

 
Além do grande investimento em tecnologia, a rede investiu também num longo e rigoroso processo de seleção de colaboradores, com o objetivo de montar uma equipe de excelência, altamente comprometida com a medicina humanizada, levando-se em conta toda a problemática e necessidade médica e psicológica de cada paciente, o que pode inclusive acelerar o processo de recuperação.

 
Além de todos os cuidados já citados, a unidade foi preparada para que os pacientes internados possam contar com o acompanhamento de um familiar o tempo todo. Este acompanhante terá toda a assistência e conforto na sua acomodação, além de toda a orientação necessária, referente ao quadro do paciente.
 

O Hospital vai oferecer um atendimento personalizado e tem arquitetura, gastronomia e serviços de última geração pensados para auxiliar na melhor e mais rápida recuperação dos seus pacientes. Conta ainda com serviço exclusivo de concierge, além de quartos automatizados pelo sistema Smart Hospitality, criado exclusivamente para a Rede D’Or São Luiz, através do qual os pacientes poderão controlar todo o ambiente do quarto por meio de um tablet, que permite executar funções como levantar as cortinas, controlar as luzes e fazer videochamadas com a equipe de enfermagem.

 

E como inovação é a palavra-chave, a unidade também é a primeira do Brasil a contar com o CyberKnife, equipamento de radiocirurgia com braço robótico, capaz de direcionar alta concentração de radiação em pequenos pontos, proporcionando ao paciente um tratamento com maior precisão e menos efeitos colaterais. Outra novidade que o Hospital traz para o Brasil é o Tomotherapy, um acelerador linear que entrega a dose de radiação como se fosse uma tomografia, com sistema de imagem acoplado que permite visualização da área a ser tratada diariamente. O Vila Nova Star também está equipado com o Da Vinci, sistema cirúrgico robótico avançado e preciso para procedimentos minimamente invasivos. A unidade ainda tem em sua estrutura um neuronavegador e um microscópio cirúrgico de última geração. 


O vice-presidente da Rede D’Or São Luiz, Paulo Moll, explicou que o Hospital é a primeira de duas torres da marca Star que contarão, no total, com 220 leitos. Esta unidade  já dispõe de uma estrutura com 90 leitos, enquanto que o segundo prédio, previsto para ser inaugurado em 2021, vai expandir a capacidade de atendimento diferenciado em diversas áreas para 130 leitos. "Criamos um ambiente em que os pacientes e familiares se sentirão acolhidos desde a chegada, visando reduzir o estresse da internação. Todos os nossos diferenciais médicos têm como objetivos aumentar as possibilidades de cura e reduzir o tempo de internação", explica.

Sobre a Rede D'Or São Luiz
Fundada em 1977, a Rede D’Or São Luiz é a maior rede de hospitais privados do Brasil com presença no Rio de Janeiro, São Paulo, Distrito Federal, Pernambuco, Maranhão, Sergipe e Bahia. O Grupo opera com 44 hospitais, sendo 43 próprios e um hospital sob gestão. Com o Vila Nova Star, serão 14 hospitais no estado de São Paulo, sendo 7 na capital. A Rede possui 6,4 mil leitos operacionais e 7 mil leitos totais, e tem planos de chegar a 8,1 mil leitos em 5 anos. São, ao todo, 44,1 mil colaboradores e 87 mil médicos credenciados, que realizam cerca de 3,69 milhões de atendimentos de emergência, 220,5 mil cirurgias, 32,3 mil partos e 477 mil internações por ano, além de 4 mil cirurgias robóticas em três anos do início deste novo serviço. A Rede D’Or São Luiz também conta com a Oncologia D’Or e Onco Star, rede de clínicas especializadas em tratamento oncológico em sete estados brasileiros.
Publicidade:
Últimas Noticias
30/06/2019
17/05/2019
17/05/2019
17/05/2019