-->
Login
Zodiac apresenta Condroflex, com posologia de tomada única diária
Por: Zodiac/EBC - 27/09/2004
Quase 10% da população mundial apresenta sinais de artrose. Só no Brasil, a doença atinge 18 milhões de pessoas, transformando-a na mais incapacitante entre as doenças reumáticas. Com o aumento da longevidade, a tendência é que um número cada vez maior da população tenha artrose em algum momento da vida.

A osteoatrose é um processo degradativo caracterizado pelo desgaste da cartilagem nas articulações chegando, em casos extremos, a atingir os ossos, o que limita os movimentos articulares e interfere nas atividades cotidianas de milhões de pessoas. O problema é que a artrose é perceptível somente quando sintomas agudos começam a se manifestar, como por exemplo, a dor oriunda de processos inflamatórios, creptação e as deformidades articulares.

Por esse motivo, a medicina tem trabalhado cada vez mais na descoberta de medicamentos que atuem mais intensamente sobre as fases assintomática e sintomática da doença caracterizada pela dor, rangido e inflamação, e que possuam propriedades de reversão do curso da doença. O objetivo é prevenir a evolução do processo degradativo evitando os casos mais graves, onde pode haver a limitação total da função articular - o que restringe a realização de movimentos simples, como estender a mão, segurar talheres ou mesmo caminhar, e oferecer uma melhor qualidade de vida para esses pacientes.

Com o objetivo de ampliar ainda mais sua linha de medicamentos avançados para o tratamento da osteoartrose, o laboratório Zodiac está lançando Condroflex, o primeiro e único medicamento com posologia de tomada única diária disponível em saches, contendo pó efervescente sabor limão. Este diferencial aumenta a adesão do paciente ao tratamento, tanto pela facilidade de deglutição quanto pela comodidade posológica, já que despensa a tomada do medicamento várias vezes ao dia.

Condroflex tem duas substâncias ativas em sua composição, o sulfato de glicosamina (1,5g) e o sulfato de condroitina (1,2g). Esta combinação é consagrada nos Estados Unidos, onde é muito utilizada, por oferecer um efeito sinérgico entre elas, auxiliando no combate à causa e aos sintomas da osteoartrose, agindo seletivamente na cartilagem e em qualquer local onde haja o desgaste articular.

Condroflex faz parte de um grupo de medicamentos chamados de DMOAD (Disease Modifying OsteoAthritis Drugs), ou seja, é uma droga modificadora do curso evolutivo da osteoartrite e, por isso, melhora de modo continuado os sintomas da artrose, efeito que se prolonga mesmo após a interrupção do tratamento. Este efeito é atribuído ao fato destas substâncias serem dois princípios ativos naturais, ou seja, tanto a Condroitina quanto a Glicosamina são substâncias normalmente encontradas na cartilagem articular humana.

Dessa forma, o medicamento tem grande segurança e ótima tolerabilidade pelos pacientes, um fator importante, já que os idosos serão os principais usuários de Condroflex - normalmente, nesta faixa etária, já utilizam outros medicamentos. "Vale lembrar que a incidência da doença em jovens, por conta da realização de atividades físicas sem orientação adequada tem crescido significativamente e, por isso, o tratamento para prevenir a evolução da doença minimiza complicações, como o desgaste da articulação", explica o reumatologista Sérgio Bontempi Lanzotti, presidente da Associação de Pacientes com Osteoporose e Osteoartrose e médico estagiário do Serviço de Osteoartrose do Hospital do Servidor Público Estadual de SP.

Segundo o Dr. Lanzotti, Condroflex não produz nenhum efeito colateral significativo. "Nos Estados Unidos, as substâncias ativas se encaixam na categoria de produtos de venda livre, sendo encontradas em farmácias e supermercados".

Publicidade:
Últimas Noticias
30/12/2019
02/12/2019
02/12/2019
02/12/2019